29/07/2012

Just Sayin'

Gostava de te ter conhecido antes, sabes? Há mais tempo. Para que nenhum de nós tivesse receios ou preocupações. Gostava de ter estado contigo antes de me ter tornado nesta pessoa toda errada que hoje conheces. Gostava de te ter descoberto quando o teu coração te mostrou o que era o amor. Gostava de te ter conhecido quando os teus sonhos ainda eram pequenos e estar do teu lado à medida que eles cresciam. Pensando bem, é pena só nos termos encontrado agora, já com o coração marcado por outros amores, com uma ideia um bocado falsa do que é felicidade, com uma noção esquisita do que é amar. Preferia ter-te encontrado numa circunstância diferente, numa outra altura, em que não precisássemos de nos preocupar com o nosso passado ou ter de decidir o nosso futuro. Porque em toda a minha vida, quando alguém tinha de tomar uma decisão, eu já conseguia prever o que ia acontecer porque de todas as vezes em que era necessário escolher um caminho, as pessoas simplesmente deixavam-me, sem pensar duas vezes.. Contigo é diferente de tantas maneiras que ás vezes não sei como lidar com isto. É verdade que algumas vezes eu questiono o nosso amor, mas depois, em pequenos momentos, como ouvir a tua respiração num momento calmo, olhar-te nos olhos, ouvir o teu coração bater quando te dou um abraço ou ouvir-te cantar músicas que eu gosto, todas as perguntas desaparecem e sem saberes fazes-me acreditar no amor da sua maneira mais pura. É por isso que apesar dos teus ciúmes parvos, apesar de ás vezes falares de futebol durante séculos, de assassinares músicas que eu adoro, de seres parvo e de gozares comigo por ser um bocadinho mais pequena que tu, eu aturo-te todos os dias e sem perder a paciência. Já me habituei aos teus beijinhos todos os dias, a rires-te das minhas figuras, a ter de me pôr em biquinhos dos pés, à tua cara de bicho zangado, ao facto de me apertares com força quando me abraças, a não querer deixar-te ir embora ao fim do dia.. habituei-me a ti, à tua presença, a gostar assim muito de ti. Porque, sabes? Apesar de eu mudar de humor facilmente, o meu coração não vai mudar de caminho. És tu, no meio de tantas nuvens e coisas escuras, que me fazes sorrir e que me fazes feliz. E eu amo-te! *beijinho no nariz*

4 comentários:

- Patrícia Barros ॐ disse...

ooooooh, que coisa linda querida :)

- Patrícia Barros ॐ disse...

De nada :D

silvia disse...

oooown princesa gostei tanto deste texto, e fico tão feliz por ti a sério <3

silvia disse...

obrigada querida <3