28/01/2012

"Ria e o mundo rirá com você. Chore e você chorará sozinho"

Seria de estranhar se eu fizesse alguma coisa bem. Mas, como estraguei tudo, já não é novidade.
Ando sempre com um sorriso na cara e toda a gente apoia a minha (pseudo) felicidade. Mas quando mais preciso de ajuda, todos aqueles que estavam comigo, só os vejo a fazer as malas e a deixar-me entregue aos meus medos e ás minhas inseguranças. Metem o meu sorriso, a minha alegria e felicidade dentro de uma mala e aos poucos partem, deixando-me a lutar sozinha. Eu tentei ultrapassar isto by myself mas, como dá para ver (pela minha recaída), não funcionou. Quero tentar, eu juro que quero tentar mais uma vez! Mas como esperam que o faça se de cada vez que tento pôr um ponto final, alguém parte? Alguém leva um pouco da força que eu ia precisar para superar isto?! Não sou desistente mas.. tanta gente a dizer-me que vai passar, mas a fazerem tão pouco para que isso aconteça. Tanta gente a dizer que me faz mal e para não o fazer, mas não ajudam em nada, só me mandam ainda mais abaixo. Então e agora, como vou fazer? Preciso de um abraço para onde possa voltar quando sentir necessidade de o fazer. Preciso de uma palavra amiga sempre perto de mim, quando me sentir assim. Preciso de alguém. Preciso de ti! E tu? Tu, tal como muitos outros, falas.. mas não ajudas. Não estou a ser injusta, estou a pedir a tua ajuda. Porque eu amo-te e eu preciso de ti. Não consigo fazer isto se não estiveres comigo. Mas digo-te já, se for para continuares a falar e não ajudares em nada.. então o melhor é ires embora. Porque eu não preciso de mais nada que me mande abaixo.
Tudo isto não quer dizer que não te amo. Porque eu amo-te. Talvez seja por isso que digo para partires. Não te quero arrastar para o meio da minha confusão. Estar comigo, agora é difícil. Porque para estares comigo tens de ter em conta que vais ter de lidar com muita complicação, tristeza, cortes, dor e sobretudo comigo. Eu sou uma pessoa difícil, mas agora, sou ainda mais.

29 comentários:

dianadíaz ! disse...

adorei o post *-*
e sabes quando sai a agenda de concertos?

inês geraldes disse...

Eu entendo... e sei o que sentes. E identifico-me com o texto! De certeza que ele se importa :)

mai disse...

Adoro o blog, sigo-te <3

dianadíaz ! disse...

de nada. eu também estou sempre enfiada no site deles xD

inês geraldes disse...

Eu sei que é difícil querida, eu sei... e não estás sozinha! Tenta dizer-lhe isso, que precisas dele...

dianadíaz ! disse...

tal e qual, qual é o que mais gostas? :)

mai disse...

Obrigada (:

Patricia Laranjeira disse...

OMG só podes estar a gozar! eu tenho que ver a nova temporada!

inês geraldes disse...

Ohh :/
Não sei que fazer, mesmo... mas podes falar sempre comigo.

dianadíaz ! disse...

HARRY *-*

inês geraldes disse...

E vou 'ouvir' sempre!

inês geraldes disse...

Oh princesa, fiquei tão contente por dizeres isso! Digo-te o mesmo!

dianadíaz ! disse...

estou a ver vídeos deles,p variar xb

inês geraldes disse...

Eu precisar preciso, mas nunca tenho coragem de te pedir. Acho que precisas mais do que eu, comigo é só banalidades...

CM disse...

Querida és TU que tens de ter força e levar com a vida para a frente! Não são os outros! Os outros não vão fazer isso por ti, e se calhar ainda fazem pior (intencionalmente ou não). A força tem de vir de ti!

Patricia Laranjeira disse...

aii que lindo, agora deixaste-me curiosa *-*
e o damian vai fazer o quê na série?

dianadíaz ! disse...

ai, eu juro que não entendo! toda a gente gosta do glee? o:

inês geraldes disse...

Os meus problemas são por culpa minha... quase todos. Apego-me facilmente às pessoas, penso que são todas queridas (porque no início são mesmo), e acredito que podem vir a gostar de mim. Depois é que elas começam a deixar-me... e eu caio. Deixam-me porque se calhar encontram outra pessoa ingénua a quem podem fazer o mesmo. E eu fico na lista delas.

Patricia Laranjeira disse...

hahaha que lindo, eu tenho que ver xD

inês geraldes disse...

Não me deixaram tecnicamente, só fingiram que estavam comigo. E eu vi que, afinal, estavam com toda a gente.

Patricia Laranjeira disse...

pois é :)
é tão bom conhecer alguém que também gosta de glee e nao julga a série mandando comentários estúpidos -.-

inês geraldes disse...

Eu sei, querida. Mas desta vez acho que me apeguei mesmo muito, e pronto...

inês geraldes disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Patricia Laranjeira disse...

concordo plenamente, muitas vezes depois de ouvir as versões deles vou ouvir as originais e nao gosto muito, eles dão outra vida á musica :)
a mim também!

inês geraldes disse...

É... vamos ver, desde que as coisas não mudem drasticamente, eu consigo habituar-me.

Simão disse...

Gostei do teu blog :)) Vou seguir

Patricia Laranjeira disse...

eheh :)

dianadíaz ! disse...

eu conheço mais gente que gosta. eu odeio xb

CM disse...

Olha que passa, muitas das vezes é assim que acontece. Não te podes apoiar no vazio. Tu é que tens de fazer 'pela vida' :/ não podes estar à espera do apoio dos outros enquanto as coisas te passam ao lado e tu estás parada, porque te falta uma coisa que pode até nem existir.