28/10/2011


tenho andado estranhamente calma. está quase aí a chegar a altura em que, no ano passado, tu me fazias feliz. e por mais estranho que seja, não estou abalada pelas saudades ou nostalgia. estou simplesmente, calma. para ti isto pode ter sido algo muito simples. começou e acabou. mas para mim não foi. isto destruiu-me por dentro, destruiu-me completamente sem tu te aperceberes. e ultimamente, sem saber porquê, essa destruição tem-se tornado menor. olho para ti e relembro tudo, mas em vez de sentir as saudades a corroer-me, sinto-as a aquecerem o meu coração. tenho a plena noção de que o que sinto por ti ainda está cá dentro, mas agora está guardado, talvez. tenho alguém que luta por mim, tal como lutei por ti e não dou o valor que merece porque simplesmente não consigo cortar aquele fio que me liga a ti. é verdade que nestes dias, por mais tempo que passa sinto o fio a esticar a esticar a esticar.. acho que só estou á espera que estique mais um pouco e se parta. assim posso finalmente deixar o passado onde ele deve estar e seguir para a frente. não posso ficar sempre presa a ti, ás nossas memórias e há nossa história que, apesar de triste, me fez tão feliz há um ano atrás.

p.s.: meus amores, no fim-de-semana vou a Castelo Branco a uma festa, por isso só devo responder aos vossos comentários no domingo à noite ou na segunda-feira à tarde. beijinhos, love you*

8 comentários:

sara raquel. disse...

não tens de quê, é a verdade :D
obrigada, muito obrigada *-*

feelings (L) disse...

muito obrigadaa :)
este post está lindoo*

letícia ♥ disse...

força minha querida, vais ver que vais conseguir deixa-lo onde ele realmente deveria estar: no passado.

SofiaSilva. disse...

és o meu orgulho ♥ (ando muito querida o.o)

e.c ♥ disse...

que texto lindo :)

MarcelaMaia disse...

Sigo*

catarina disse...

também eu bé :')

Algo Estranho... Alguém Diferente! disse...

está lindo, compreendo perfeitamente !